FlamengoInternacionalLibertadores da América

Flamengo bate o Inter, com Bruno Henrique iluminado em mais um show

Rubro-Negro vence primeira batalha das quartas de final da Libertadores, com show de Bruno Henrique que marcou 2 gols que definiram a partida. Agora Flamengo tem a vantagem e pode perder até de 1x0 no segundo jogo, no Beira-Rio.

Na noite desta quarta-feira (21) o Flamengo venceu o Internacional por 2×0, no primeiro jogo das quartas de final da Libertadores, no Maracanã. Com a torcida Rubro-Negro batendo recorde de público com 66.366 presentes, as equipes mantiveram um jogo equilibrado, o clube carioca tentava criar mais o Inter bem fechado não dava muito espaço, primeiro tempo sem gols. Já na segunda etapa, Bruno Henrique foi quem marcou e decidiu, com intervalo de 4 minutos entre seus dois gols, o atacante brilhou e colocou o Flamengo na frente na corrida pela vaga da semifinal da Libertadores. A equipe comandada por Jorge Jesus pode perder de 1 gol de diferença, na próxima quarta, que se classifica. Gabigol que era dúvida por sentir incômodo muscular na coxa, fez um trabalho intensivo para se recuperar e entrou como titular, pode colaborar na vitória, dando assistência no segundo gol Rubro-Negro.

1° tempo

Jogo acirrado, sem chances claras de gol, com Inter retrancado e tentando jogar no contra-ataque e o Rubro-Negro tentando pressionar. Aos 18 minutos, o Flamengo recuperou a bola no meio-campo, Arão encontrou Bruno Henrique, que avançou e soltou bomba de fora da área, o goleiro do Inter caiu no canto direito para espalmar e a bola foi  pela linha de fundo. Em outro lance, aos 28, Willian Arão avança bem pela direita e faz cruzamento, Bruno Henrique ganha da marcação, mas cabeceou nas mãos de Marcelo Lomba. O Internacional também teve chances, D’Alessandro dominou após erro de Marí, mas demorou muito e na sobra, Patrick conseguiu evitar a saída e a bola acabou com Guerrero, ele tenta o chute, mas é travado e cai. Aos 45, o Rubro-Negro teve a maior chance até então, Filipe Luís cruza, Everton Ribeiro domina com muita liberdade na entrada da área e aciona Gabigol, o atacante bateu, e Marcelo Lomba evita em grande defesa, o primeiro gol! Tudo igual no Maracanã.

2° tempo 

Jogo amarrado, Inter bem fechado e Flamengo sem conseguir criar e ter espaço para finalizar. Aos 27 minutos, Willian Arão dá chegada dura em Edenilson e recebe o cartão amarelo, o jogador que já estava pendurado, fica fora do próximo jogo. O primeiro, Bruno Henrique encontra espaço sozinho, recebe carrinho na entrada da área e desarmado mas bola sobra para Gerson que tira do zagueiro e de Marcelo Lomba e deixa Bruno Henrique, já de pé, de cara para o gol, abrindo o placar. Inter sente o gol e se desarruma, Bruno Henrique aproveita mais uma vez e após receber de Gabigol na entrada da área, o camisa 27 ganhou de Cuesta e chutou no cantinho. Flamengo 2×0. E já no fim, aos 45, o Inter teve a chance de diminuir a diferença, após vacilo de Pablo Marí, Nico López invadiu a área, passou por Rodrigo Caio e deu chute rasteiro, tentando o canto, bola quase entrou mas saiu a esquerda do gol de Diego Alves, que não conseguiria chegar na bola. 

A segunda partida das quartas de final da Copa Libertadores, acontece na próxima quarta-feira (28), no Beira-Rio, Flamengo tem a vantagem e pode perder até de um gol de diferença que se classifica para a semifinal, Inter terá que buscar o resultado.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar