FlamengoFutebol

Flamengo e Independiente Del Valle empatam no primeiro jogo da Recopa

Em jogo no Equador, com alguns lances polêmicos, teve mudança no placar até os últimos minutos. Decisão fica para jogo de volta, no Maracanã.

Flamengo e Independiente Del Valle, empataram em 2×2 pela final da Recopa Sul-Americana na noite desta quarta-feira(19) no Estádio Olimpico Atahualpa, em Quito, no Equador. Em jogo disputado até os últimos minutos, o Rubro-Negro com Diego no lugar de Gabigol (que cumpriu suspensão da final da Libertadores), encontrou dificuldades no primeiro tempo para impor seu jogo e sofreu com a equipe equatoriana, atacando e com mais volume. O gol que abriu o placar veio dos pés de Murillo, em bela cobrança de falta, que não deu chances para Diego Alves, aos 19 minutos. Ainda na primeira etapa, teve a boa bola lançada por Arracaeta que achou Bruno Henrique com velocidade, para tirar do goleiro e balançar a rede, do que seria o empate, com 28 minutos. Mas a arbitragem com o auxilio do VAR marcou o impedimento. No segundo tempo, Vitinho no lugar de Diego, o Flamengo começou a criar mais e pressionar, até que Arracaeta achou em Bruno Henrique, que por dentro, tocou para o gol na saída de Pino e empatou tudo. O atante acabou saindo de maca do campo e de ambulância da estádio por choque com o goleiro. Pedro entrou e aos 40, após Everton Ribeiro cruzar, marcou. Mas o empate do Del Valle veio poucos minutos depois, o árbitro marcou pênalti de Rafinha em Murillo. Pellerano cobrou e deixou tudo igual para o jogo de volta, no Marcanã.

1° Tempo

Logo aos 5 minutos, Faravelli arriscou de longe pelo meio, bola passou por cima do gol. 10 min, Diego pelo meio arriscou chute de longe, forte, bola passou perto mas por cima do travessão. Com 11 minutos, Segovia deu mais um chute de longe para o Independiente Del Valle, Diego Alves ficou com a bola. 19 minutos, falta para o time equatoriano, Murillo bateu direto para o gol para abrir o placar. Aos 28, Bruno Henrique recebeu bola lançada de Arrascaeta, avançou em velocidade, deixou o goleiro no chão e balançou a rede. Mas a bandeira levantou e juiz marcou o impedimento que foi confirmado pelo VAR. 36, Diego pela direita, fez o cruzamento, Bruno Henrique, subiu entre zagueiros e conseguiu desviar mas bola foi por cima do travessão. Aos 37, Guerrero avança em velocidade e tenta cruzamento rasteiro mas Rafinha faz o corte. 45 minutos, Everton Ribeiro pegou sobra de escanteio, cruzou no segundo pau, Diego foi quem dominou na esquerda e em cima da linha de fundo, cruzou. Bruno Henrique chuta mas manda direto pra fora.

2° Tempo

3 minutos no cronometro, Gerson levantou bola na área, Arrascaeta disputou no alto, Segovia fez o corte. O árbitro Leodán Gonzalez com o auxilio do VAR, verifica possível mão na bola do zagueiro mas nenhuma irregularidade foi marcada. Aos 6 minutos, Filipe Luís cobrou lateral na área, Bruno Henrique mandou para o meio e Arrascaeta tentou chutar mas não pegou bem. Com 13 minutos, Franco encotrou Guerrero com liberdade pela direita, dominou e invadiu a área, chutou mas bola foi longe da meta. Aos 20 , Arrascaeta dominou, tocou para  Bruno Henrique na esquerda, ele colocou na frente, deixou Schunke para trás, invadiu a área e bateu na saída do goleiro Pinos. O atacante rubro-Negro fica caído após o lance por choque com o goleiro e saiu de maca de campo, sendo substituído por Pedro. 28 minutos, Everton Ribeiro ficou no chão após disputa com o zagueiro. O Del Valle continuou jogada, que acabou com Faravelli batendo no cantinho de Diego Alves, perto da trave. 40 minutos, Vitinho arrancou pelo lado esquerda e cruzou, Everton Ribeiro do outro lado, recebe e cruza na medida para Pedro, que marca, colocando Flamengo na frente. Com 43 minutos, Murillo foi lançado na esquerda, invadiu a área mas foi ao chão após chegada de Rafinha. Juiz assinalou o pênalti. Minutos depois, Pellerano cobrou forte no canto direito de Diego Alves, que caí para o lado certo mas não encontra a bola. Última chance da equipe equatoriana foi aos 49 minutos, Jhon livre pela direita, chegou à linha de fundo, cruzou, Murillo, sozinho, chuta de primeira mas manda por cima da meta.

Próximo jogo

O jogo de volta da Recopa acontece na próxima quarta-feira(27), no Maracanã, ás 21h30. Antes disso o Rubro-Negro tem mais uma final, enfrenta o Boa Vista no sábado de carnaval pela decisão que vale a Taça Guanabara, no Maracanã, ás 18h.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar