Flamengo

Flamengo faz primeiro acordo com família de vítima do incêndio

O clube agora tenta negociações individuais com familiares dos 10 mortos no Ninho do Urubu. Identidade e valores não foram divulgados.

Após muitas reuniões e desentendimentos sobre indenização que o Flamengo deve pagar as familias das vitimas, o Clube conseguiu entrar em acordo com uma das famílias dos atletas mortos. Os valores e identidades não foram divulgados por motivos de segurança. O presidente Rodolfo Landim entrou em consenso com a família antes de seu pedido de licença para viagem particular de 15 dias.

Os valores estão mantidos sob sigilo, mas segundo uma fonte interna apurada pelo GloboEsporte.com, são “muito superiores ao que foi divulgado pelo Ministério Público do Trabalho”. Na semana passada o MP divulgou que a primeira proposta rubro-negra foi de R$ 300 a R$ 400 mil de indenização e um salário mínimo (atualmente de R$ 998,00) por mês. Na mediação na Justiça, a oferta do clube chegou a R$ 700 mil, mas os valores também não agradaram aos familiares e advogados.

Também foi apurado que outras 3 famílias já estão perto de um acordo com Clube. Um cenário bem diferente do que foi mostrado a uma semana atrás após a reunião de mediação entre os familiares e o Flamengo, que acabou sem acordo e declarações de revolta das famílias. Cristiano, pai do goleiro Christian chegou a afirmar que estavam “brincando com a vida dos nossos filhos“.

10 vítimas fatais do incêndio no Ninho do Urubu, que completa 21 dias. Foto: Infoesporte

O valor proposto por Ministério Público Estadual, Ministério Público do Trabalho e Defensoria Pública nas reuniões foi de R$ 2 milhões e R$ 10 mil mensais por mais 30 anos. O Clube não concordou com os valores e, em nota oficial, disse que ofereceu valores maiores que os padrões em casos parecidos e citou o incêndio na Boate Kiss como exemplo. O presidente do Flamengo também deu uma entrevista coletiva e disse que os valores colocados na mesa pelo clube era apenas um piso de discussão para o início das negociações.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar