Sem categoriaVasco da Gama

Após um dos piores começos de temporada da historia do Vasco, Abel não aguenta a pressão e pede pra sair

Após reunião com o presidente Alexandre Campello, o técnico acabou pedindo a sua demissão. Abel Braba foi o escolhido para assumir o comando do time após a saída de Vanderlei Luxemburgo. O técnico já chegou ciente de todos os problemas financeiros do clube e já sabia que provavelmente não iria receber em dia. Mesmo assim, Abel resolveu aceitar a tarefa de dar continuidade ao bom trabalho de Luxemburgo. Com Abel no comando, o Vasco conseguiu passar de fase na Sul Americana e até agora na Copa do Brasil.

Comandando o Vasco, Abel Braga acumulou 14 jogos, com quatro vitórias, cinco empates e cinco derrotas. Além da falta de boas atuações e resultados positivos, o que pesou muito foram os problemas com salário e a falta de simpatia por grande parte da torcida.

O Vasco por sua vez já estava de olho no mercado. Chegou e buscar informações sobre Barroca, atual técnico do Coritiba, porém o técnico disse “não” para o Vasco. Agora Alexandre Campello terá que correr para buscar um técnico que consiga por o time no caminho certo, já que Abel em nenhum momento conseguiu isso.

Nota Oficial do Vasco:

Abel Braga não é mais o técnico do Vasco da Gama. A decisão da saída do treinador foi tomada em consenso entre as partes, após conversa realizada nesta segunda-feira (16/03).
O Clube agradece o profissional pelo trabalho realizado durante sua terceira passagem pelo Cruzmaltino.
Por ora, o auxiliar-técnico Ramon Menezes irá comandar as atividades.

Nota Oficial de Abel Braga:

Abel Braga não é mais o técnico do Vasco. Nesta segunda-feira (16/03), ele entregou o cargo ao presidente Alexandre Campello e agradeceu pela nova oportunidade no clube.

“Como falei na minha última coletiva, depois do jogo contra o Goiás, gosto muito do Vasco, do presidente, dos jogadores, da torcida e do ambiente de trabalho. Mesmo com a crise financeira, jamais faltou dedicação e entrega. Mas as coisas não estão acontecendo da forma como imaginamos. Assim, num momento em que os campeonatos estão parados por motivo de força maior, saio para que o clube encontre um profissional que tenha tempo para trabalhar e tentar os ajustes necessários. Fica o meu agradecimento a todos.”

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar