F1

Nome do filho de argentina é uma homenagem ao piloto Ayrton Senna

Patrícia Penna é argentina e mora na capital Bermudez, Província de Santa Fe começou a assistir a F1 por acaso, um Domingo a televisão estava ligada e um garoto muito lindo estava falando, esse garoto era Ayrton Senna.

A partir desse momento, ela queria saber tudo sobre esse brasileiro lindo e com olhos tristes. Então ela começou a conhecer a história do Ayrton Senna.

Ela acha que depois da morte dele não havia piloto de seu nível, com esse talento e carisma. Ele foi e será para sempre o melhor pilotos de todos os tempos, ele é do tempo em que os pilotos venceram as corridas, não os carros.

“Lembro-me de domingo que Ayrton Senna morreu, como um dos dias mais tristes da minha vida, eu tinha 22 anos”, diz Patrícia.

A partir daí ela se trancou em seu quarto para chorar, assistir vídeos e gravar todos os programas esportivos para assisti-los repetidamente. Foi um momento de muita tristeza e descrença. Ela não entendia como uma pessoa tão jovem, boa e gentil, partiu tão cedo e com tanto para viver.

“O tempo passou e em 2 de abril de 1998 eu era mãe, meu filho Ayrton Sebastian Penna nasceu (ariano como ele). Sonhei para ele ser um piloto de corridas, mas ele não quis, e eu o respeitei. Sinto um orgulho muito grande do nome que meu filho esta usando”, diz Patrícia.

Após a morte dele ela parou de seguir F1, não fazia mais sentido para ela, tudo começou com ele e também terminou quando ele partiu. Ela acredita que Ayrton Senna é um exemplo de luta, perseverança, desejo de superar o tempo todo e amor pelo que estava fazendo.

“Se hoje eu tenho que dizer uma palavra que o defina seria ‘ETERNO’, porque 25 anos depois de sua partida, ele ainda esta tão presente em nossos corações, e assim será para sempre”, finaliza Patrícia.

LEIA MAIS

Ayrton Senna era a maior companhia de Andrea durante sua internação

Mariane tem Ayrton Senna como ídolo mesmo não o vendo correr por muito tempo

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar