Futebol de baseSub-20Vasco da Gama

Copinha: Vasco supera o Corinthians nos pênaltis e vai à final

Os Meninos da Colina enfrentarão o São Paulo na final da Copinha. O único título do Vasco na competição foi em 1992, exatamente contra o São Paulo

Após empate em 2 a 2 no tempo regulamentar, Vasco conta com ajuda da trave para superar o Corinthians nos pênaltis, pela semifinal da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na Arena Barueri. Rafinha e João Celeri chutaram na trave e todos os 5 batedores do Vasco, Lucas Santos, Miranda, Ulisses, Brunos Gomes e Laranjeira. O Vasco, irá fazer a grande final da Copinha com o São Paulo, na próxima sexta-feira (25/01) às 15h30, no Pacaembu.

Confira outras notícias do Vasco da Gama

O JOGO

A partida começou com muita intensidade na marcação alta de ambas equipes como esperado. Alternando o controle da posse de bola, o Vasco foi quem chegou com perigo primeiro ao ataque. Com 8 minutos de jogo, Lucas Santos cruza para João Pedro que domina e chuta mas a bola desvia na zaga e sai em escanteio.

No minuto seguinte, após cobrança de escanteio de João Pedro, Ulisses desviou de cabeça e na sobra Tiago Reis, de chapa, mandou para o fundo das redes do goleiro Diego. O Vasco é quem sai na frente na semifinal.

Atrás do placar, o Corinthians tentava ensaiar uma reação, chegou ao ataque com Roni e Janderson mas sem levar perigo a defesa cruzmaltina. Aos 17 minutos do primeiro tempo novamente escanteio para o Vasco. Lucas Santos cruzou, mais uma vez a bola é desviada e desta vez sobra para o zagueiro Miranda, dentro da pequena área empurrar para dentro do gol. Vasco 2 a 0.

O técnico do Corinthians, Eduardo Barroca, colocou Rafinha, um meia ofensivo e de muita movimentação, no lugar do volante Du. Com a mudança, o Corinthians melhorou sua saída de bola e equilibrou a partida. Aos 38 minutos, Janderson recebeu lançamento na esquerda, passou pelo marcador, invadiu a área e tocou para Nathan, que sozinho na pequena área perdeu um gol inacreditável.

Chegando ao fim do primeiro tempo, na altura dos 45 minutos, Fabrício Oya cobrou escanteio, a bola fica viva na área após bate e rebate e sobra para Nathan, que chuta forte para diminuir o placar e se redimir do gol perdido.

Na volta do intervalo, a partida continuou com bom ritmo. Ambas equipes mantinham a marcação alta, pressionando a saída de bola adversária. A individualidade era a válvula de escape para as equipes furarem os bloqueios defensivos. Logo aos 6 minutos do segundo tempo, João Pedro fez linda jogada individual, invadiu a área e foi derrubado. Pênalti para o Vasco. Lucas Santos foi para a cobrança porém acaba pegando muito embaixo da bola que sobe e vai parar na arquibancada.

No lance seguinte, o Corinthians sai rápido ao ataque. Igor recebe na direita e limpa o marcador para chutar forte. Alexander fez boa defesa. Após a cobrança do escanteio, a bola sobrou com Rafael Bilu, ele cruza e Nathan mergulha para de peixinho empatar a partida. 2 a 2 no placar.

Mesmos após as substituições, o ritmo e a intensidade mostrada pelas equipes caiu. Com tamanho equilíbrio, a individualidade continuou a ser o diferencial. Aos 28 minutos, Fabrício Oya conduziu a bola pelo meio, ajeitou e chutou colocado de fora da área. A bola passa perto do gol do goleiro Alexander. Na altura dos 32 minutos, foi a vez do Vasco. Caio Lopes tabelou com Lucas Santos e encheu o pé, a bola bate na trave e nas costas do goleiro Diego para sair em escanteio.

Nos minutos finais de jogo, os Meninos da Colina levaram perigo ao gol corinthiano com Ulisses, aos 38 minutos do segundo tempo, recebeu cruzamento na área e o zagueiro arriscou um chute de letra. E aos 46, o atacante Vinicius arriscou um chute forte de fora da área, mas a bola desvia na defesa e vai para fora.

Nos pênaltis, Rafinha e João Celeri chutaram na trave e todos os Meninos da Colina converteram os pênaltis. Vasco classificado para a final da Copa São Paulo de Futebol Júnior, 4 a 3 nos pênaltis.

Ficha Técnica

Corinthians 2 (3 x 4) 2 Vasco

Copa São Paulo de Futebol Júnior – Semifinal

Local: Arena Barueri, Barueri (SP)

Data: 22/01 (Terça-feira)

Horário: 21h30 (Horário de Brasília)

Equipe de Arbitragem

Árbitro: Thiago Luis Scarascati (SP)

Assistentes: Fabricio Porfirio De Moura (SP) e Ítalo Magno De Paula Andrade (SP)

Quarto Árbitro: Renan Carvalho De Faria (SP)

Cartões Amarelos: Corinthians – Rafinha; Vasco – Miranda.

Gols: Corinthians – Nathan, 45’/1ºT; Nathan, 9’/2ºT; Vasco – Tiago Reis, 8’/1ºT; Miranda, 17’/1ºT.

Escalação do Corinthians – Técnico: Eduardo Barroca

Diego; Igor, Ronald, Jordan e Caetano; Eduardo, Du (Rafinha), Roni e Fabrício Oya; Janderson (Daniel Marcos), Rafael Bilu (Gustavo Mantuan) e Nathan (João Celeri).

Escalação do Vasco – Técnico: Marcos Valadares

Alexander; Cayo Tenório, Ulisses, Miranda e Coutinho; Bruno, Caio Lopes (Laranjeira), Linnick (Talles Magno), João Pedro (Riquelme) e Lucas Santos; Tiago Reis (Vinicius).

A comemoração dos atletas vascaínos após a classificação para a final da Copinha.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar