Futebol de base

Copinha: Vasco vence Taubaté e garante classificação à próxima fase

O Vasco encara o Juventude na segunda fase; eliminado, Taubaté se despede da competição.

O Vasco da Gama garante classificação à próxima fase com gol de Linnick, na vitória por 1 a 0 contra o Taubaté. A partida foi disputada no Joaquinzão, hoje (09/01) às 13h45. O Cruzmaltino vence soma 7 pontos na tabela. Enquanto o Taubaté foi eliminado com 4 pontos somados na competição, perdendo a segunda vaga do grupo para o Tubarão (SC). Líder, o Vasco enfrenta o Juventude, 2º colocado do Grupo 28.

O JOGO

O Taubaté tentou pressionar o Vasco em seu campo de defesa no início da partida, porém logo o Cruzmaltino começou a dominar as ações no meio de campo e criar boas jogadas no ataque. Nos 10 minutos iniciais, teve duas ótimas chances de gol. A primeira com João Pedro, o meia recebeu a bola dentro da área e chutou mal de direita. Na segunda o camisa 10, Lucas Santos fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro, Linnick chegou batendo de primeira e a bola passou raspando a trave do goleiro João Marcos.

A essa altura os torcedores vascaínos talvez começassem a se preocupar que a falta de precisão apresentada no empate contra o Tubarão fosse um problema real, e não apenas algo isolado. Porém, a desconfiança quanto a pontaria dos jogadores vascaínos foi embora por alguns minutos.

Aos 12 minutos de jogo, Linnick começou a jogada carregando ela pelo meio, tabelou com João Pedro, tocou na esquerda para Lucas Santos, que invadiu a área, limpou o defensor do Taubaté e tocou para o meio da área, Tiago Reis que tentou o chute, mas foi em cima de João Marcos. Na sobra Linnick estava sozinho e de primeira chutou para abrir o placar. Após o gol feito, o Vasco conseguiu trabalhar melhor e controlar mais o jogo, com maior domínio da posse de bola, antes equilibrada.

Depois do jogo ficar preso no meio-campo, com ambas equipes com dificuldades a chegar na área adversária. No cruzamento de Claudinho, Maykon Lima ganhou do zagueiro Miranda no alto e mandou a bola perto da trave direita vascaína, um susto no goleiro Alexander e a maior chance de gol do Taubaté no primeiro tempo.

No início da etapa final, João Marcos goleiro do Taubaté, que já havia aparecido bem no primeiro tempo, se mostrou crucial para a derrota por apenas um gol de diferença, a defesa do Taubaté era cheia de buracos e os atacantes vascaínos atacavam estes espaços.

Aos 9 minutos do segundo tempo, Laranjeira deu bom passe para Tiago Reis, que ficou cara a cara com o goleiro, mas João Marcos saiu bem do gol para fazer a defesa. No minuto seguinte, Laranjeira avançou pelo meio e chutou rasteiro e cruzado da entrada da área. João Marcos espalmou, aparecendo mais uma vez no jogo.

Na segunda metade da etapa final, o Taubaté sobrou fisicamente e conseguiu chegar com mais facilidade ao ataque. Por pouco o Taubaté não empata a partida. No último minuto de jogo, o zagueiro Hyago subiu mais alto que a defesa vascaína e cabeceou no travessão. Na sequência o árbitro apitou para o encerramento jogo.

Mais tarde, com a vitória do Tubarão (SC) por 5 a 0 em cima do Carajás (PA). A bola no travessão de Hyago ganharia um peso maior, pois se tivesse balançado as redes, o “Burro da Central” passaria à segunda fase da Copinha.

O Vasco perdendo claras chances de gol, enquanto o Taubaté apresentou ter um sistema defensivo falho, pois cedeu muito espaços, porém a condição física é algo a se destacar. O Vasco mesmo precisando do resultado para se classificar sem depender de terceiros, não ficou nervoso e manteve seu padrão de jogo, com um time organizado e compacto em campo, mas o técnico Marcos Valadares deve ter atenção com a falta de precisão mostrada nas últimas partidas pelos jogadores vascaínos.

Ficha Técnica

(2°) Taubaté-SP 0 x 1 Vasco (1°)

Local: Estádio Joaquinzão, Taubaté (SP)

Data: 25/11 (Quarta-feira)

Horário: 13h45 (Horário de Brasília)

Gols: Vasco – Linnick, 11’/1/T

Cartões Amarelo: Taubaté – Claudinho

Escalação do Taubaté – Técnico: Harley Dias

João Marcos; Victor Hugo, Hyago, João Pedro e Diego (Jonas); Léo Naldi (Zé Vitor), Glauber e Claudinho (Mineiro); Adriano (Gabriel Davy), Tatá (Matheus Patto) e Maykon Lima.

Escalação do Vasco – Técnico: Marcos Valadares

Alexander; Tenório, Ulisses, Miranda e Coutinho; Bruno, Linnick (Alan) e Laranjeira (Alexandre Melo); João Pedro (Riquelme), Lucas Santos e Tiago Reis (Werick).

A foto da comemoração tirada por Alexander (Foto: Reprodução/Twitter/@VascodaGama)

Após o apito final, alguns dos atletas do Sub-20 vascaíno, comemoraram a classificação nas redes sociais.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar