Botafogo

Depois do silêncio, Carli fala sobre dar alegria ao torcedor em jogo pela Sul-Americana

O zagueiro também falou sobre o atraso nos salários e que o elenco não pensou em greve

O zagueiro Joel Carli concedeu entrevista coletiva nessa segunda-feira (22), no estádio Nilton Santos. Depois do silêncio dos jogadores, por protestos contra os salários atrasados, Carli falou com a imprensa sobre a equipe não ter pensado em greve e deixar de treinar.

“Nossa decisão principal foi não prejudicar nosso trabalho e ele passa pelo que fazemos em campo. Barroca e Anderson Barros falaram sobre não afetar a parte técnica. Por isso estamos longe de cogitar em não treinar. Ainda faltam os salários de junho. A diretoria sempre tem nosso voto de confiança. Mas também tínhamos que mostrar nossa insatisfação. Por isso optamos pelo silêncio”.

O zagueiro falou sobre o jogo contra o Atlético Mineiro, pela Sul-Americana, que é preciso mudar a postura dentro de campo rapidamente para um ótimo jogo em casa.

“Sabemos que é um jogo decisivo pela Sul-Americana, uma competição que buscamos o título, para entrar na história do Botafogo e dar essa alegria para o torcedor, que tanto merece”, comentou o jogador.

Além dos salários atrasados, já são três partidas sem vencer e sem balançar as redes. Nesta quarta-feira, o Alvinegro volta a campo para disputar a Copa Sul-Americana, contra o Atlético-MG pelas oitavas de final da competição, às 21h30.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar