Fluminense

Diniz fala sobre possibilidade de interdição no CT do Fluminense em coletiva

Treinador concedeu entrevista coletiva após treino visando semifinal da Taça Guanabara, que acontece nesta quinta-feira(14) contra o Flamengo, 20h30, no Maracanã.

O Fluminense encerrou hoje a preparação para a semifinal, com o treino que aconteceu da manhã até parte da tarde desta quarta-feira(13). O confronto com o Rubro-Negro, que tem a vantagem do empate, aconteceria no último sábado mas foi remarcado após incêndio no CT do Flamengo que deixou 10 mortos e 3 feridos. Na véspera de seu primeiro Fla-Flu como treinador, o técnico Fernando Diniz respondeu perguntas sobre possível interdição no CT do Tricolor carioca, falou também sobre desfalque de João Pedro para o clássico, após entrada de Bruno Silva em treino no último sábado, readaptação de Ganso ao futebol brasileiro, entre outros assuntos que você pode conferir abaixo.

Confira mais notícias do Fluminense

Diniz fala em véspera de seu primeiro FlaxFlu como treinador. FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE

Semifinal e tragédia no Ninho do Urubu

Um jogo de futebol… o lado psicológico sempre tem um fator muito decisivo. Isso que aconteceu é algo que transcende ao futebol. Eu nem quero entrar nisso… A tragédia foi sobre a vida das pessoas. Fiquei muito entristecido com tudo o que aconteceu, mexe com a gente. O jogo, nesse sentido, nem é o mais importante. Não gostaria de associar a tragédia com o jogo. Ele vai acontecer e quem for melhor vai ganhar. O fato foi à parte. A sociedade de maneira geral tem de saber usar o que aconteceu para evitar que se repita.

Possível interdição do CT do Fluminense

 Se a gente perder esse espaço para treinar, preocupa e muito. Vamos treinar onde? Com boas condições aonde? Espero que isso não aconteça. Vocês estão aqui e observam que não há refeitório e tampouco alojamento. O que temos aqui são os campos e os vestiários. Em termos de segurança para quem está aqui, aparentemente, não temos problema. Espero que haja bom senso. Não vai ser tirando o Fluminense daqui que daremos condições de segurança. Quem está aqui está com boas condições para desenvolver o seu trabalho.

Estilo de jogo para o clássico

 A formação a gente vai decidir só um pouco antes do jogo. A gente tem algumas situações. O estilo vai ser mantido. A melhor maneira de se precaver contra o Flamengo ou o Barcelona é jogar da maneira que se treina todos os dias. A gente fez ajustes diante do River e conseguimos um placar dilatado pois encaramos com seriedade e estudamos. Com o Flamengo, temos mais informações. Para fazer frente, temos de fazer o que sabemos de melhor. Mudar para enfrentar um adversário, no fundo, você está se fragilizando. É assim que penso o futebol.

Sobre o Flamengo

Penso jogo a jogo, mas o nosso estilo segue e serve em todas as situações. O time tem jogado bem. Temos de tomar muito cuidado com o Flamengo e estamos tomando todos os cuidados para a gente se precaver. Eles têm grandes jogadores, um grande investimento e um treinador estrategista. Estamos atentos, mas dentro das nossas características. Além disso, tentamos melhorar cada vez mais para o nosso estilo fique cada vez mais sólido.


Primeiro Fla-Flu como treinador

Sempre é diferente. Eu adorava jogar. Confesso a vocês que estou com muito prazer de participar agora como técnico. O jogo mexe. O Rio respira o futebol de forma diferente, a gente percebe nas ruas. Tem um charme envolvendo a sigla Fla-Flu. É muito bom poder participar.

Lance com Bruno Silva que tirou João Pedro do clássico

A primeira coisa é que não teve maldade no lance. Eu estava perto, isso é o mais importante. Circulou algo interno nosso, não era para circular nas redes sociais. Bruno é um grande profissional, se empenha para poder render. João Pedro é um jovem promissor. Não teve maldade no lance, eu estava ali e não vi maldade. Bruno treina, de fato, muito duro. Se tivesse maldade, eu teria corrigido. Bruno pediu desculpa e, internamente, está tudo bem. Não foi nada grave com o João Pedro, daqui a pouco ele está de volta e vai nos ajudar na hora certa.

Situações de Gilberto e Pedro

Pedro ainda está distante de retornar. Gilberto está evoluindo muito bem. O departamento médico faz um trabalho fantástico com o Gilberto, que participa de alguns treinamentos comigo. Não quero dar previsão para não frustrar torcedor.


Readaptação do Ganso

À priori, o estilo dele se adapta muito bem ao que o Fluminense tem jogado. É um time que tem a bola e troca passes. Ele tem um encaixe em andamento com o Fluminense. Agora, precisa ter a adaptação dele ao futebol brasileiro, a convivência interna. Estou esperançoso em oferecer um bom ambiente e que ele possa devolver isso dentro do campo.


*Entrevista retirada do GloboEsporte.com

 

 

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar