BasqueteNBBVasco da Gama

NBB: Vasco recebe o Life Fitness/Minas em São Januário

O Vasco vai em busca de quebrar o jejum de seis partidas sem vencer dentro de casa

Há seis jogos sem vencer dentro de casa, o Vasco volta às quadras na segunda-feira (04/02) às 20h para encarar o Life Fitness/Minas pelo NBB, no ginásio de São Januário. Um novo resultado negativo, pode tirar o Vasco da zona de classificação aos playoffs, caso o Brasília vença do Basquete Cearense. Na última partida, o Cruzmaltino foi superado pelo Basquete Cearense por 79 a 77, a primeira vitória fora de casa do Carcará no NBB 18/19. Enquanto o Minas, como mandante, venceu o Paulistano por 88 a 85.

O Vasco ocupa a 12ª colocação, com 29,4% de aproveitamento, 5 vitórias e 12 derrotas em 17 partidas disputadas. Em São Januário, o Cruzmaltino vai mal. São duas vitórias e oito derrotas em 10 partidas. Já o Life Fitness/Minas ocupa a sexta colocação na tabela, em 19 partidas foram 8 vitórias e 11 derrotas, um aproveitamento de 42,1%. Porém sua campanha como visitante é a segunda pior do NBB 18/19. Em 10 partidas disputadas venceu duas partidas e perdeu oito vezes.

Apesar das derrotas, o Cruzmaltino vem mostrando evolução no seu jogo. Porém a equipe continua a ser irregular e as vezes dentro de uma mesma partida. Como foi contra o Sesi Franca, atual líder da competição. No segundo tempo, venceu de 50 a 29, mas ainda assim perdeu a partida por 84 a 78, pois no primeiro tempo já havia perdido por 55 a 28.

No Vasco, destaque para o ala-pivô Gemerson. Esteve presente em todas as 17 partidas do Cruzmaltino na temporada, é o segundo melhor reboteiro da liga, com média de 8,3 por jogo, além de 13,8 pontos por jogo. Caio Torres é outro nome a ser lembrado. Chegou ao Vasco no início de dezembro, e desde então, tem a melhor média de pontos da equipe, são 15 pontos e 7,8 rebotes por jogo.

O armador Gegê é quem vem comandando a equipe mineira. Gegê, tem cinco títulos de NBB e ao lado de Marcelinho Machado, é o jogador com mais títulos, mas é o único da história a ter conquistado os cinco títulos de maneira consecutiva. Além do feito, nesta temporada o armador tem média de 7,6 pontos e 7,5 assistências por jogo, a segunda melhor média de assistências do NBB 18/19. Outro destaque do Minas é o pivô Wesley pela regularidade que vem mantendo. O pivô tem médias de 13,3 pontos e 5,5 rebotes por jogo. Na partida contra o Paulistano, Wesley fez 16 pontos e pegou 6 rebotes.

O último encontro entre as equipes aconteceu na Semana 3 do NBB 18/19 na Arena Minas Tênis Clube, e o Life Fitness/Minas bateu o Vasco por 93 a 65. Com destaque para Sam Daniel que fez 37 pontos na partida, o recorde da 10ª edição do Novo Basquete Brasil.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar