E-Sports

O que esperar dos quatro candidatos ao titulo do segundo split do CBLOL 2019?

A fase de pontos do segundo split ficou marcada por ter sido muito acirrada, principalmente no meio da tabela. Flamengo e KaBuM foram as primeiras equipes a conquistar as vagas, as duas perderam apenas 5 das 21 partidas disputadas. Já a INTZ e a Uppercut só conseguiram a sua classificação na ultima rodada.

Flamengo

Foto: Divulgação/Riot Games

Como já era de se esperar, a equipe do Flamengo não mexeu em nada na sua line up. Mas tiveram mudanças muito significativas durante o segundo split. A derrota no primeiro split fez com que o time do Flamengo amadurecesse, dentro e fora da competição. Mesmo com a grande diferença de pontos conquistados do primeiro para o segundo split, é agora que o time realmente está passando confiança.

Diferente do primeiro split, agora no segundo, a equipe do Flamengo não teve grandes destaques individuais. Porém se fortaleceu muito em relação ao trabalho de equipe. O time perdeu 5 partidas, mas testou bastantes combinações, mudou players importantes de rota e isso serviu muito de aprendizado. A porcentagem de vitória da equipe no segundo split foi de 76%, mesmo assim ainda é uma das grandes favoritas para vencer a competição.

KaBuM

Foto: Divulgação/Riot Games

Sem duvidas foi a equipe com mais mudanças do ano de 2018 para 2019. Depois de vencer os dois splits no ano passado, esse ano parece que foi perdida todo o sincronismo entre os jogadores. No primeiro split do ano atual, a equipe por pouco não terminou entre os últimos colocados e parou no Série de Promoção. Por conta dos resultados, a equipe se desfez de três jogadores campeões no ano de 2018. As principais foram as saídas de titaN e Riyev. Para os seus lugares foram contratados DudsTheBoy e Ceos, dupla que se destacou jogando pela Redemption. Para a top lane, foi contratado o sul-coreano Wizer, que se destacou bastante na maioria das partidas, principalmente no inicio do split.

Somando 16 vitórias e 5 derrotas, a equipe ficou tecnicamente empatada com o Flamengo somando 16 pontos. Outro ponto importante, foram os destaques individuais de boa parte da equipe. Wizer, Ranger e Ceos foram os melhores nas estatísticas de suas lanes.

O principal problema na cabeça da torcida é que, dos 5 jogos perdidos, 2 foram para a INTZ, será que enfim a KaBuM conseguirá vencer os Intrépidos?

INTZ

Bruno Alvares e Pedro Pavanato/Riot Games

A grande campeã do primeiro split conseguiu mais uma vez chegar aos playoffs. Desta vez terminando em terceiro lugar, os Intrépidos mantiveram a pegada do inicio do ano, conseguiram terminar a fase de pontos com 52% de vitórias.

O segundo split não foi esperado depois de se tornarem campeões. Muito disso se deve por conta da grande atuação da KaBuM. O grande ponto positivo foi a contratação de micaO, um dos maiores atiradores do cenário brasileiro. Mesmo não sendo titular durante todos os jogos, o jogador  terminou a fase de pontos com o maior KDA entre todos os jogadores. A queda de rendimento não quer dizer que não sejam perigosos. Mesmo se classificando apenas na ultima rodada, a INTZ ainda pode chegar muito longe. Principalmente pelo fato de já ter vencido seu próximo rival 2 vezes no segundo split.

Uppercut

Foto: Divulgação / Riot Games

No inicio do ano, apresentou grandes partidas, inclusive dando trabalho para os grandes favoritos ao titulo. Porém caiu de rendimento com o passar dos jogos, por conta disso, acabou o primeiro split em 5º lugar. Já na segunda etapa, não tivemos destaque individuais, mesmo com a equipe contando com Alternative e Anyyy. Quando o assunto é entrosamento entre equipes e finalizações de jogadas, ai sim tivemos um crescimento significativo.

Mesmo tendo se classificado como quarta colocada para as semifinais, a Uppercut tem chances de vencer e surpreender a todos agora no segundo split.

Foto: Divulgação / Riot Games
Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar