F1

Paulo fez tênis verde e amarelo para homenagear Ayrton Senna

Paulo Eduardo  de Almeida, de 47 anos, nascido e ainda morando em Coimbra (Portugal), sempre gostou de assistir as corridas de Fórmula 1, mas foi com Ayrton Senna nas pistas que ele vidrou em automobilismo.

Paulo é do tempo em que a Fórmula 1 era Alan Jones, Gilles Villeneuve, Jacques Laffite, Emerson Fittipaldi, Mário Andretti (1977) e a maior coincidência é que ele mede 1.77m de altura e peso 69kg (as mesmas medidas do Senna).

Ayrton Senna  teve a energia e a coragem  do homem sobre a máquina. Paulo sempre adorou  velocidade  e coragem que o piloto tinha, mas depois que Senna se foi, a Fórmula 1 acabou para ele.

Paulo Almeida gostou  do Senna  pela condução  arrojada. Ele começou a assistir F1 quando tinha apenas 8 anos. Aos seus 13 anos ele foi à Estoril, acompanhando  pela sua  mãe,  ver o Senna  vencer e ainda debaixo de chuva.

Ele que conduzia karts na feira popular  de Lisboa, ele adorava. E, com o tempo Paulo falou à sua  mãe que queria correr, mas o dinheiro  era pouco  e a escola  era mais importante.

Paulo sempre  que conduz na  chuva tem a sensibilidade  que muitos poucos têm  e o Senna lhe deu essa coragem. As pessoas, às vezes, ficavam com vergonha dele, pois ele conduzia muito bem nas chuvas e outras pessoas estavam com carros muitos superiores ao dele.

Paulo queria fazer algo para homenagear seu eterno piloto Ayrton Senna. Ele teve a ideia e pintou um tênis das cores do Brasil (verde e amarelo), como mostra a foto da capa e ele não cansa de dizer: “Olé olé olé olá SENNA SENNA do Brasil.!!”.

LEIA MAIS

Ayrton Senna inspira Bruno Miranda desde seus 4 anos

Fórmula 1: para Bernardo não tem nada melhor do que o som dos motores

Ayrton Senna é o eterno ídolo de Alysson Vilela

 

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar