Futebol

Real Madrid goleia Al Ain e se consagra tricampeão Mundial

Após segundo semestre ruim, equipe merengue conquista o já esperado título Mundial

Real Madrid bateu o Al Ain por 4 a 1, e é campeão do Mundial de Clubes da FIFA, com gols de Modrić, Llorente, Sergio Ramos e gol contra de Yahia Nader a favor da equipe merengue, Shiotani descontou para o time emiradense. Pela terceira vez consecutiva o Real Madrid foi campeão mundial, a primeira equipe realizar este feito. Desde 1960 este é o sétimo título mundial da equipe merengue. O Al Ain, equipe do país-sede não decepcionou. Se despede do mundial com gols em todas as partidas do Mundial, além de ser a primeira equipe do Oriente Médio a alcançar as finais do Mundial de Clubes.

A partida foi realizada no estádio Zayed Sports City em Abu Dhabi

O jogo

A partida começa e o Real Madrid busca tomar a iniciativa na partida. Logo aos 3 minutos, Llorente aparece pela esquerda em velocidade e tenta o cruzamento, a bola sobra com Lucas Vázquez que tenta finalizar, mas a defesa do Al Ain faz o corte e evita o primeiro do Real.

A primeira boa oportunidade do Al Ain foi com El Shahat, o meia egípcio recebe lançamento dribla Courtois mas Sergio Ramos tira a bola em cima da linha. No lance seguinte Carvajal cruza para Benzema, o atacante domina no peito e toca para trás. Modrić arrisca de fora da área e abre o placar para o Real, 1 a 0. Um minutos depois, uma falta para o Al Ain no meio-campo foi rapidamente cobrada. A bola é enfiada para Caio Lucas que chutou de primeira e mandou no fundo da rede, porém o atacante brasileiro já estava em posição irregular e o gol foi anulado pelo assistente.

A comemoração de Modrić, o melhor do mundo nesta temporada, apesar de elogiado pela maioria o jogador também recebeu muitas críticas pelos prêmios individuais conquistados. (Foto: Reprodução/Twitter/@FIFAcom)

O Al Ain parece sentir o gol sofrido, aos 16 minutos mais uma chance para o Real Madrid, Carvajal recebe de Benzema, avança pela direita e toca para trás para Lucas Vázquez que chuta colocado, mas a bola vai para fora. A partida fica presa no meio-campo com muitas faltas. O Real Madrid tenta administrar o resultado cadenciando o jogo.

E só deu Real Madrid nos minutos restantes. Aos 34 minutos, Vázquez recebe a bola de Carnaval dentro da área, rola para trás e Benzema quase na marca do pênalti chega sozinho batendo. A bola passando raspando o travessão. Na marca dos 38 minutos, o Real Madrid tenta jogada ensaiada com Kroos, o meia faz um lançamento para Modrić perto da meia lua, que bate de primeira e Eisa espalma a bola, mais uma importante defesa do goleiro.

No começo do segundo tempo, a equipe merengue volta ao ritmo imposto no começo da partida. Modrić recebe pela esquerda e cruza. A defesa do Al Ain tenta o corte, com a bola ainda no ar, Bale arrisca uma bicicleta, mas manda por cima do gol de Eisa. Aos 14 minutos do segundo tempo, após cobrança de escanteio, a bola sobra para Llorente que arrisca a finalização de primeira e a bola morre no fundo das redes. Desta vez não deu para o goleiro Eisa.

Momento da bicicleta do galês. Bale está há um gol de igualar Cristiano Ronaldo e se tornar o maior goleador da história dos Mundiais de Clubes. (Foto: Reprodução/Twitter/@FIFAcom)

Aos 19 minutos mais uma chance para a equipe merengue, Bale sai na cara do goleiro, chuta e Khalid Eisa sai bem do gol para fazer a defesa. Na sequência o próprio goleiro afastou a bola com os pés.

O Al Ain não tem poder de reação, o brasileiro Caio Lucas parece jogar sozinho, mas ainda assim não cria oportunidades de gol.

A primeira boa chance criada pelo Al Ain foi sair aos 28 minutos. Caio Lucas recebe o lançamento do goleiro Eisa, tenta tirar Courtois da jogada, mas o goleiro se estica e defende com a perna.

Aos 32 minutos do segundo tempo em um dos 8 escanteios que o Real teve na partida, Sergio Ramos aparece livre da marcação, e sozinho cabeceia. O goleiro Eisa, falha e a bola entra.

Este é o 32º título da carreira de Sergio Ramos. (Foto: Reprodução/Twitter/@FIFAcom)

Cai o ritmo de jogo das equipes, o Real Madrid visivelmente se poupar, enquanto o Al Ain parece entregue e já ter aceito a derrota. Até que Shiotani, aparece sozinho na primeira trave de cabeça e diminui o placar, após a cobrança de falta. Há esta altura estava 3 a 1 a favor dos espanhóis.

Antes do fim de jogo, Vinícius Júnior, que entrou na vaga de Vázquez, recebe lançamento de Marcelo avança com a bola na área e finaliza. A bola é desviada pelo zagueiro do Al Ain e entra. Fim de jogo. Real Madrid 4 a 0 no Al Ain.

Ficha Técnica

Real Madrid 4 x 1 Al Ain

Mundial de Clubes da FIFA – Final

Local: Estádio Zayed Sports City – Abu Dhabi (EAU)

Data: 22/12 (Quarta-feira)

Horário: 14h30 (Horário de Brasília)

Equipe de Arbitragem

Árbitro: Jair Marrufo (ESTADOS UNIDOS)

Assistentes: Frank Anderson (ESTADOS UNIDOS) e Corey Rockwell (ESTADOS UNIDOS)

Quarto Árbitro: Wilton Pereira (BRASIL)

Árbitro de Vídeo: Danny Makkelie (HOLANDA)

Gols: Real Madrid – Modrić aos 14’ do 1°T, Llorente aos 15’ do 2°T, Sergio Ramos aos 32’ do 2°T e Yahia Nader (Gol Contra) aos 45’ do 2°T.  Al Ain – Shiotani aos 40’ do 2°T.

Cartões Amarelo: Real Madrid – Sergio Ramos

Escalação do Real Madrid – Técnico: Santiago Solari

Thibaut Courtois; Daniel Carvajal, Raphael Varane, Sergio Ramos, Marcelo; Casemiro (Marco Llorente), Luka Modrić, Toni Kroos (Dani Ceballos); Lucas Vázquez (Vinícius Júnior), Gareth Bale e Karim Benzema.

Escalação do Al Ain – Técnico: Zoran Mamić

Khalid Eisa; Mohamed Ahmad, Ismail Ahmed (Al Ahbabi), Mohamed Fayez e Tsukasa Shiotani; Rayan Yaslam, Tongo Doumbia, Mohamed Abdulrahman (Amer), El Shahat e Caio Lucas; Marcus Berg (Yahia Nader).

Com este título a Espanha iguala o Brasil como país com maior número de títulos em mundiais de clube. São 12 para cada. E Toni Kroos se torna o maior campeão da história do Mundial de Clubes. O atleta já ganhou o título, 5 vezes: Bayern 2013, Real Madrid 2014, Real Madrid 2016, Real Madrid 2017 e Real Madrid 2018.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar