E-Sports

A torcida deu show e empurrou o Flamengo rumo ao título do CBLoL

Com direito a torcida organizada, a nação rubro-negra transformou a Arena da Barra em um verdadeiro Caldeirão e ajudou o Fla a se sagrar campeão nacional

Empurrados pela massa rubro-negra, que lotou a Arena da Barra, o Flamengo conquistou o título do CBLoL, no último sábado. A torcida deu um verdadeiro show nas arquibancadas e foi fundamental para que a equipe conseguisse a conquista inédita, de virada, em cima da INTZ. 

Aos que compareceram, o clima realmente lembrou muito de um estádio de futebol. Tomada por rubro-negros, a Arena da Barra parecia Maracanã. Tinha até torcida organizada, a “Urubarons”, que foi a grande encarregada de incendiar as arquibancadas do ginásio, puxando gritos de guerra e músicas – as mesmas cantadas tradicionalmente pelos flamenguistas. Se os cânticos eram os mesmos, a vontade de vencer também. Após bater na trave duas vezes, o Flamengo e seus torcedores finalmente conseguiram soltar o grito de “campeão”, após uma série eletrizante decidida apenas no último jogo.

Festa da Urubarons, torcida organizada do Flamengo eSports, do lado de fora da arena — Foto: Divulgação / Riot Games
Foto: Divulgação / Riot Games

Quando perguntada, grande parte da torcida queria a vitória a qualquer custo, alguns preferiam o título do CBLoL que Taça Libertadores da América. A expectativa era alta, até mesmo quando a INTZ precisava vencer mais um jogo da série para se sagrar campeão – repetindo o feito do ano passado – a massa rubro-negra não deixou de acreditar na virada. A torcida realmente fez a diferença quando mais era preciso. Gritos de “Vamos virar mengo” e “Vamos Flamengo” tomaram conta do ginásio, enquanto a tímida torcida dos Intrépidos, composta, em sua maioria, por vascaínos, botafoguenses e tricolores, não tinha voz suficiente para competir.

Torcida do Flamengo transformou a arena da final do CBLoL em Maracanã — Foto: Tuiki Borges
Foto: Tuiki Borges

No final da série, instantes antes do Nexus ir ao chão, as arquibancadas foram ao delírio, os torcedores correram para perto do palco para acompanhar de perto o momento em que a taça seria levantada. O astro brTT foi o encarregado de erguer o troféu, seu quinto de CBLoL. E na hora da comemoração, mais referências ao futebol, a tradicional comemoração “do Gabigol” foi feita pelos jogadores.

Foto: Marcelo Cortes/CRF

 

 

Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar