Vasco da Gama

Vasco tem CT interditado pela Prefeitura

O Cruz-Maltino não aprovou a decisão da Prefeitura do Rio mas respeito à ordem.

O CT do Almirante, em Vargem Pequena, está temporariamente interditado. A ordem partiu da 5ª Gerência Regional de Licenciamento e Fiscalização da Prefeitura do Rio. O órgão enviou um edital para o Vasco nessa quinta-feira (14/02), que não ficou contente, mas acatou a decisão.

O CT das Vargens teve a interrupção das atividades imediatamente. O clube não gostou da atitude. Queriam que a Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização da Prefeitura concedesse um prazo mínimo para efetuar os reparos necessários. Dessa forma, seria desnecessário embargar a utilização da área. Por enquanto, a equipe treina em estádio de São Januário.

O Gigante da Colina reiterou ainda que o Centro de Treinamento é usado apenas para treinar e não possui alojamentos. No entanto, o lugar não tem alvará de funcionamento e só pode ser utilizado com esta licença. Antes, no início da semana, a Secretaria Municipal de Urbanismo fez vistorias no lugar e proibiu novas obras nele. Agora, a diretoria trabalha para conseguir se adequar o quanto antes aos requerimentos pedidos, para voltar a praticar no local.

O CT do Almirante não é do Cruz-Maltino. Ele foi alugado por três aos vascaínos. Na verdade, o centro de treinamento pertence ao atacante Vágner Love, do Corinthians, e ao empresário Evandro Ferreira, pai de Evander, que foi vendido recentemente ao Midtjylland, da Dinamarca.

Essas medidas todas impostas pela Prefeitura se deve ao trágico incêndio ocorrido no Ninho do Urubu, o Centro de Treinamento do Flamengo, na última sexta-feira. Na ocasião, dez atletas entre 14 e 16 anos da base rubro-negra morreram e outros três saíram feridos. Dos sobreviventes, apenas Jhonata Ventura segue internado. Ele está no CTI do Centro de Tratamento de Queimados, no Hospital Pedro II, referência em queimaduras. Isso porque ele teve 35% do corpo atingido pelas chamas, mas se recupera bem. Cauan Emanuel e Franscisco Dyogo já receberam alta.

Tags
Mais

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar